sábado, setembro 01, 2007

Actualização do post anterior :-)

Falta acrescentar a isto tudo o mais importante!
Apesar de derivar do petróleo, o GPL é "limpo"! Ou seja, não emite CO2!
Não é mito, é a pura verdade! Por conseguinte, o intervalo entre revisões é maior do que para carros a gasolina ou diesel exactamente por não existirem detritos para limpar (nos filtros de ar, combustível e óleo) nem óleos queimados.
Daí o motor durar mais tempo, não tem tanta porcaria lá dentro ;-)
Ainda por cima para o ano, com a alteração do Imposto de Circulação Automóvel (chamado agora de Selo do Carro) vai passar a ser taxado sobre o nível de emissão de CO2! Por associação, os carros a GPL não deveriam pagar, já que não emitem CO2! Mas como o Estado não quer perder a fonte de rendimento (o nosso rico bolsinho), o GPL não se escapa a este imposto... a boa notícia é que será muito menos do que aquilo que pagamos actualmente :-)

E a culpa de o GPL ter tantos mitos associados é do próprio Estado, que não quer perder os rendimentos obtidos com o ISP (Imposto sobre Petrolíferos)... se todos andássemos a GPL, estão a imaginar o arrombo que os cofres do Estado sofreriam, tendo em conta que o GPL não ultrapassa os 0,60€/litro!
A mim já não me "roubam" mais, lol ;-))

Em muitos países europeus (França, Itália, Holanda e por aí fora) o parque autómovel ronda os 50% GPL, 50% outros combustíveis... como sempre, estamos na cauda da Europa... e é bem verdade :-(

Sem comentários: