sexta-feira, dezembro 28, 2007

Balanço de 2007 e Resoluções para 2008

A 3 dias do fim de 2007 é meu "dever" balancear as contas deste período que termina de modo a que possa iniciar o novo ano com o saldo a 0's... mas.................................. faltam-me as palavras para vos expor o que aconteceu e o que deixou de acontecer.

E não porque não haja nada para contar mas porque ficaram algumas contas por ajustar que não consigo (ou não tenho coragem para o fazer) sem magoar pessoas que me rodeiam e com as quais não pretendo aborrecer-me.

Porque a familia é sempre família, calha-nos em sorte, não somos nós que a escolhemos e como tal temos de a aceitar e entender que, antes de todos, é a familia o nosso primeiro elo de ligação com tudo o resto.
Eu gosto da minha família, apesar de tudo o que se tem passado e de muitas pessoas entenderem ao contrário. Tenho é uma forma, se calhar, diferente de o demonstrar mas nunca, uma única vez que fosse lhe virei as costas, a reneguei ou deixei de ajudar quando podia. Faço por eles e por quem eu acho que merece o meu auxílio. No dia em que me falharem ou desiludirem, então deixarei de ser quem era, mudarei de atitude. E não há, muitas vezes, grande volta a dar-me porque quando me chateio, é mesmo a sério e depois de me chegar a mostarda bem acima do nariz. Só que há quem só veja sorrisos e piadas parvas em vez de ver atitudes e comportamentos.

Talvez por isso, por não admitir certas atitudes de determinadas pessoas, o meu 2007 não foi o melhor ano da minha vida. Serviu, no entanto, para ver quem está lá e quem não está. A quem posso pedir que guarde um segredo e quem não enxerga que, por falar demais, trás problemas aos outros. Quem pensa que tenho algo a esconder sem tentar perceber primeiro se assim é e quem toma partidos sem saber as diferentes versões das histórias. Quem ainda pensa em mim apesar de tudo e quem acha que a minha desconfiança é pessoal e não entende que é generalizada.

Serviu também para perceber que há decisões que não se podem tomar de cabeça quente, é preciso ponderá-las para não nos arrependermos mais tarde.

Foi um ano de esforço. Não foi um ano difícil porque se tivesse sido eu não teria conseguido passar para o 2º ano de faculdade. Não foi um ano difícil porque se tivesse sido eu teria passado fome ou ter-me-ia endividado até ao pescoço. Não foi um ano difícil porque se tivesse sido eu teria perdido o emprego ao invés de mudar de emprego.

Foi um ano de esforço porque apesar de tudo o que passei, sobrevivi e aprendi a gerir-me melhor (tempo e dinheiro).
Foi um ano de esforço porque consegui completar o 1º ano de faculdade (ok, deixei uma cadeira pendurada) e atirei-me para o 2º ano, não com muita vontade mas com a certeza de que o vou concluir.

Por isso, as minhas resoluções para 2008 são:
- APRENDER, DE UMA VEZ POR TODAS, A DAR-ME VALOR E A CAGAR PARA QUEM AINDA ACHA QUE SOU CAPRICHOSA E NÃO ME ESFORÇO PARA NADA
- Ser FELIZ (como toda a gente quer) e saber diferenciar os gajos (sim porque ainda não os consigo topar à légua)
- realizar-me profissionalmente (sim, porque acho que não vou ficar aqui por muito tempo, hi hi hi)
- atirar-me aquele colega de faculdade que olha para a minha tromba feia com uns olhinhos amorosos e que a 1ª vez que me chamaram a atenção para ele, eu disse "Estão parvas????" (mas isto é só da boca para fora porque a verdade, a verdade é que não tenho lata nem jeitinho nenhum para isso ;-))

E assim, meus caros, para vós desejo-vos o seguinte:
SAÚDE, primeiro, porque sem ela não poderão gozar a FELICIDADE que o novo ano vos trará e não poderão ganhar o DINHEIRO que é preciso para gozar a vida ao máximo e que, no meio disto tudo, o AMOR seja o motivo dos vossos sorrisos ;-))

segunda-feira, dezembro 17, 2007

Rua Sésamo

Hoje uma colega da faculdade andava a cantarolar isto e, de repente, larga-se a rir e anuncia: "meninas, quando chegarem a casa vão ver os vossos mails!"

E vim e percebi o porquê do riso! Quem não se lembra da Rua Sésamo?

Como este blog anda a precisar de um abanão, 'bora lá então avacalhar com isto :-)




Ora pois bem, eu até cantava isto na rua porque a verdade a verdade é que isto não tem malícia nenhuma, aliás, era pedagógico no meu tempo (sim, porque eu ainda sou do tempo da Rua Sésamo, tá?).

Mas convenhamos que andar para aí a cantarolar que "Eu tenho orgulho em ser uma vaca!"... quer-se dizer... bem, antes isso do que "Só eu sei porque não fico em casa" e outras pérolas da música portuguesa que tais, mais assim para o vermelhuscas mas também de pôr pimenta na língua ;-)

Mas numa coisa a vaquinha tem razão: antes ser vaca que gata porque ao menos as vacas têm a "pele macia", ao contrário das gatas que deixam muito gato com pêlo atravessado na garganta e, quando se chateiam, marram a sério não é cá arranhões com unhas afiadas... o impacto é bem maior! (lol, já estou a imaginá-los a ir p'los ares, he he he).

Eeeee mais importante aindaaaaaaaaaa... as vacas são úteis! E os gatos, que utilidade têm apra além de afiarem unhas nos sofás, treparem cortinados, subirem aos móveis, brincarem com as coisas mais parvas,.......?

As vacas, pelo contrário, servem de muito! Dão xixa e leitinho à malta e ainda podemos aproveitar a pele delas para muitas coisas (casacos, malas & so on...).

E vocês, o que preferem ser?

terça-feira, dezembro 04, 2007

Grandes Mudanças - ACTUALIZAÇÃO

Tcham, tcham, tcham, tcham!!!!!

Tal como prometido, aqui estou eu para contar então as novidades! Pronto, OK, era suposto ser ontem mas deixei para hoje para dar mais ênfase e criar maior expectativa :-))

Pois bem, meus caros e minhas caras, a Staples Office Centre já lá vai! Abandonei o barco, como me acusaram (até à última é só disparar tiros...)! Fartei-me de 6 anos a aturar uma empresa que não muda nem quer mudar, apesar das aparências exteriores de sucesso e inovação. Fartei-me de encontrar receitas para fazer omoletes sem ovos e de navegar num barco onde cada um rema para seu lado. Ainda não percebi como é que não foi ao fundo já mas dúvido que resista muito mais tempo, infelizmente. E digo infelizmente porque deixei lá bons colegas de trabalho e outros fui-los perdendo ao longo do tempo, à medida que também eles ganhavam bolhas nas mãos de tanto remar contra a maré.

Mas o que fica, ao fim de 6 anos, é uma mistura agridoce, melancólica e algo frustrada de ter trilhado caminhos tão altos e, de um momento para o outro, ser posta de lado. Ficam as recordações. E essas, por serem tão somente recordações, estão lá atrás, no passado. Até o meu ex ex-chefe me fez chorar! Foi o único, também, pelo qual me foi mais dificil tomar a decisão. Acreditou sempre em mim e puxou por mim como nenhum outro fez. Se há chefes nas empresas, ele não o é certamente. Ele é mais do que isso. É um lider!

Agora é aprender a caminhar de novo, cabeça erguida e confiante que o futuro me trará coisas boas! Só tem 1 senão................ tenho de me levantar às 7h 30 :-((((((((( Oh que saudades da minha caminha.....

quinta-feira, novembro 29, 2007

Contagem decrescente

Meus caros,

podem começar a contagem decrescente para a GRANDE MUDANÇA!!!!

2ª feira terei novidades :-))

sábado, novembro 24, 2007

Tem razão...

A Marta.

Pois tem.


Eu, je, moi, même sou a chata e a vítima de que a Marta fala.


Tudo de mau só me acontece a mim e se as coisas não andam bem à minha maneira, fico fula da vida!


Tenho que aprender a dominar-me.


Marta, diz-me onde é que fazes essa tua terapia, pleeeeeeeeaaaaaaaassssssseeeeeeeeee!!!!!!!!


(Para mais informações, é favor dar um pulo ao sítio da Marta)

segunda-feira, novembro 19, 2007

O que chega em meu coração

Voltei.

Mas ainda dotada daquela falta de inspiração :-( Tanta que até fui "roubar" um poema a outra pessoa! Mas que me deu cá uma volta ao coração daquelas que há muito (para aí há um ano) não me dava.
Tanto que voltei a chorar.
Tanto que me está a provocar um voltar de página.
Ou seja, mais uma ajuda para esquecer-te pois não mereces nada do que aqui deixei escrito para ti! Um blog que nasceu dos meus desabafos contidos e que, nunca, quiseste sabê-los.

Aqui vai (Rita, onde quer que estejas, perdoa-me o plágio!)


O que chega em meu coração?
Será amor?
Será paixão?
Será outro sentimento que não esses?

O que sei é que algo machuca
Dói, atordoa-me, confunde-me
Tão longe e tão perto
Paradoxo que preferia a inexistência
Longe, o físico
Perto, o sentimento
Sentimento que me embriaga
Deixa-me triste e contente
Eufórica e calada
Sensível e forte

Sentimento incomum
Sentimento do paradoxo
Sentimento inefável
Sentimento sufocante

A verdade é que não posso e não quero fugir
Arriscarei as minhas lágrimas
Meu coração
Minha alma já sofrida
Já faz parte de minha vida
Da minha mente
Das palavras que saem da minha boca
Das lágrimas que saem dos meus olhos

É busca incessante
Busca pelo nada
Busca pelo tudo
Busca pelo que ainda resta

O que sei é que sinto
Sinto germinar
Sinto florescer
Sinto tomar conta de mim

O futuro pode ser incerto
Talvez amargo
Mas, o gosto que sinto nesse instante
Já vale infinitas vidas

Vidas sofridas
Vidas felizes
Vidas sublimes
Vidas amargas
Não posso deixar de senti-lo
Sentimento intenso e confuso
Que machuca e me faz feliz

Estou condenada a sentir-te
E não quero me livrar dessas correntes
Quisera eu poder te tocar
Mas, sentimentos vivem na alma e no coração
E, apesar de tudo, prefiro apenas te sentir
Para jamais ter que te perder...

Será que é desta que te digo adeus?

Foto by: Mariah, in Olhares.com

segunda-feira, novembro 12, 2007

Vazio.......

É. Este blog anda a modos que VAZIO.
Quer dizer, nem é bem o blog, é mais a sua autora que anda com uma falta de inspiração daquelas... eu bem agito aqui a caximónia mas nã sai nada! Só se ouve vento a passar, mais nada! Ah, e uns grãos de areia! Vá lá, já é qualquer coisita!

Pois, isto aqui pelo meu reino anda a modos que devagar. Mais devagarinho. Não, não, é mesmo parado! Não se passa nada, não acontece nada... acho que os meus neurónios foram de férias com uma outra bloguer que eu cá sei, ali para umas praias paradísiacas e decidiram-se a lá ficar. Sacanas, podiam ao menos ter-me convidado, não acham? Falta de educação! Uma pessoa a aturá-los a vida inteira e depois é esta a paga que tem! Não há direito!

Bem, pode ser que arranje uns outros e substitua os fujões! E depois, olhem, boca! Quem foi ao mar perdeu o lugar!

Não desesperem, meus caros visitantes! O mau-feitio da Kikas foi de férias... mas há-de voltar ;-)))))))


Que post tão anormal, não é? A gaja estava mesmo parva, só pode!

sexta-feira, novembro 02, 2007

Mais um filme que promete!

Depois de STARDUST e de ver Robert de Niro na pele de pirata gay numa história de amor daquelas que se contam às crianças antes de dormir, numa produção cinematográfica fantástica, chegará em Dezembro mais um filme que promete ser um espectáculo, para quem gosta de filmes do género...

Aqui fica o trailer, para despertar o bichinho ;-)

quinta-feira, novembro 01, 2007

Meu perfil...

Vou-vos confessar uma coisa (para quem ainda não tivesse percebido): eu gosto do sobrenatural. Gosto de ler sobre Astrologia e Magias (brancas, claro) e de saber sempre um bocadinho mais. Costumo dizer que devia era ir para bruxa, na brincadeira claro, mas o que é facto é que tenho uma intuição muito forte e nunca lhe ligo peva (devia...).

Vai daí que não descarto um horóscopo ou um Tarot (se bem que, 99% das vezes, não acredite minimamente) quando se me aparece.

Num site que descobri recentemente, através da Dani, fui bisbilhotando aqui e ali e... ó só qu'eu descobri! Meu Mapa Natal! E não é que tem coisas mesmo muito sememelhantes a mim?

Ora espreitem lá também:

Muita sabedoria natural e uma vocação de mestre ou professor é o resultado da união do inteligente e pesquisador signo de Virgem com o alegre e filosófico ascendente em Sagitário. Ambos - Virgem e Sagitário - são dois signos de natureza mutável, direcionados para a busca do conhecimento, o que termina se traduzindo em interesses intelectuais ativos, que vão do macro ao micro: Sagitário ascendente se interessa pelas grandes questões filosóficas universais, e é a primeira coisa que aparece em você, as pessoas lhe olham e vêem alguém imbuído de muita fé e de esperança. Já o lado virginiano do seu Sol se atém à aplicabilidade dos conceitos. O resultado disso é uma grande inteligência, capaz de lidar com problemas complexos ou simples com verve e um bom senso de adaptabilidade.
Há, sobretudo, uma grande capacidade realizadora e executiva, pois a combinação aqui é de Terra com Fogo, ou seja, você reúne força executiva no mundo real (Terra) e criatividade e visão de futuro (Fogo). Quando você nasceu, o Sol se direcionava para a zona norte do mapa, e este é um claro sinal de uma pessoa muito ambiciosa e apta para posições de poder. A consciência do seu Sol sagitariano se dirige para o exterior, para a vida pública gerando um tipo de personalidade que nasce para aperfeiçoar o mundo circundante.
Uma tendência a agir como se a verdade fosse uma propriedade sua pode criar inimizades, e muita gente pode simplesmente não gostar de você porque lhe acham arrogante, o que não é essencialmente real. Virgem é um signo até humilde, um signo de serviço, mas de fato o ascendente em Sagitário lhe fornece esta "aura" de quem sabe tudo. É só uma questão de você aprender a manter a boca um pouco mais calada, para que as pessoas não usem suas próprias palavras contra você. Virgem pede discrição, até porque o Sol projetado para o alto do seu mapa sugere que você corre o risco de perder sua privacidade por conta de seu trabalho.

sábado, outubro 20, 2007

Portugal! (hummm, já tive outro post com este tema!)

Olha, pois é... estou-me a repetir!

E para dizer o quê? SIM, OS PORTUGUESES SÃO OS MAIORES!

E porquê?

Vejam a seguir e depois digam-me se concordam ou não comigo!

A Amália dos nossos dias!



Mariza está nos EUA, numa série de concertos em salas muito importantes, entre as quais o Carnegie Hall, em Nova Iorque.

Além deste inédito convite para participar no DAVID LETTERMAN'S SHOW (que é visto SÓ por 3.000.000 de americanos), esta miúda das ruas da velha Lisboa onde o fado escorre pela calçada é também nomeada para um GRAMMY Latino!

Bravo é o mínimo, não?

sexta-feira, outubro 12, 2007

Help?

Alguém me sabe dizer como fazer para accionar a função ESQUECIMENTO no meu cérebro?
É que já não aguento este sofrimento, estas memórias, esta tristeza, este alheamento a tudo. Sinto-me como se andasse com os pés no ar... a pairar...

"Ajuda, precisa-se, URGENTE!"

Acho que vai ser este o título do anúncio que vou colocar no jornal. Sim, porque sozinha não estou a conseguir :-(( Estou quase, quase, quase, quaseeeeeeeeeeeeeeeeee a cair no erro de agarrar no telemóvel e desdizer tudo o que disse há 1 ano atrás. Estúpida! Sou tão estúpida.....

O primeiro passo era deixar o meu emprego; resolvia logo metade dos meus problemas. Mas nem isso consigo :'-(

E isto só prova a minha teoria de que mudanças não são comigo. Não resultam.

domingo, outubro 07, 2007

Mudanças! (ACTUALIZAÇÃO)

Acho que amanhã não vou aparecer ao mundo... se hoje o meu aspecto era mau, imagino como será amanhã...

Pelos vistos as mudanças não são comigo. Por mais que tente, acontece sempre qualquer merda para me estragar os planos!

Depois de gastar 86€ no cabeleireiro a arranjar o cabelo, as mãos e outra cenas de gaja o saldo desta mudança não podia ser pior! Hoje de manhã pensei que tinha um monstro cá em casa mas depois reparei que esse monstro usava umas lunetes vermelhas iguais às minhas e à minha frente estava era um espelho a reflectir a minha imagem! "Oh não!", pensei, "Sou mesmo EU!!!!! Aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaahhhhhhhhhhhhhhhh"

E para ajudar à festa, depois de 3 demãos de verniz, ontem f%&%$%& logo uma unha e hoje parti outra!

Irra.... só me falta ter alergia à cera num sítio que eu cá sei!

Ou então vir um pássaro e lançar os seus dejectos orgânicos em cima do meu Ferrari, acabadinho de lavar, que brilha que nem um diamante!......

(bem do mal o menos... ainda bem que os elefantes não voam :-) Ah, ah, ah!)

F&%$#$%

sábado, outubro 06, 2007

Mudanças!

Com um novo ano académico a ter início e a perspectiva de mudança de empego (Deus queira que sim, já em Novembro... alguém sabe alguma reza ou mezinha para fazer acontecer MESMO?) decidi que também EU teria de sofrer umas alterações.

Daí que se o pensei melhor o fiz! Agarrei em mim e enfiei-me no cabeleireiro, qual gaja com todas as letras e aqui vai disto: mudança radical! (infelizmente não gostei muito do resultado porque não me expliquei como deve ser à Cristina e ela fez para aqui umas coisas que... "Cruz, credo, quem é aquela?" pensei eu mal me olhei ao espelho... mas quem me vir amanhã na ILHA logo me dirá se ficou assim tão mau ;-)

E as mudanças não se ficam pelos meus longos e belos cabelos! (convencida)
Também este blog vai sofrer uma piquena alteração... sim, porque eu sou um bocado resistente à mudança e alterar assim 2 coisas no mesmo dia é dose para cavalo!

Pena é que, depois da pipa de massa que larguei no cabeleireiro, da boda do primo e da revisão do Ferrari que ainda estão para vir, não me sobrou €€€€ para fazer uma outra mudança radical também há muito desejada: O MEU ROUPEIRO!

Ó pá, os casacos eram tão giros... e o fato? E o vestido castanho? Tipo Marilyn Monroe? Ai, eu quero...............................

Como é que se chama o gajo que ganhou o Euro milhões esta semana? Alguém tem o contacto???????

Daí que, este blog passa a ser verdinho! Como a Esperança! De dias melhores, de emprego melhor, de tudo melhor para mim e para os que me rodeiam!

sábado, setembro 29, 2007

1000 ?????

Eh lá, agora assim de repente é que eu reparo! Cheguei aos 1000 visitantes! 1000??? 1000!!! MIL! Milena! Os deuses devem estar loucos!

Ora então aqui ficam os meus Obrigados a:
Priminha
Mara
Dani
Marisa
Casper
Miguel F. Carvalho
Ele há horas assim
Pedro Almeida
Catarina em LX

E mais uns quantos anónimos que costumam vaguear por estes blogs e os quais não sei quem são, pois nunca se acusaram, mas que também merecem um Obrigado da minha parte.

Espero continuar a cativar este público e partilhar cada vez mais a minha opinião convosco e saber a vossa!

sábado, setembro 22, 2007

Portugal! Portugal! Portugal!

Já repararam que, ultimamente...SÓ DÁ PORTUGAL NO MUNDO????

Ás vezes por bons motivos, outras vezes nem tão bons assim, mas de há uns meses para cá Portugal passou a constar do mapa do mundo! E desta vez como o país Portugal e não como a província espanhola Portugal!

Ele é Maddie McCann e o folhetim do seu misterioso desaparecimento.
Ele é Scolari e a não-agressão ao Dragotinovic (ou what the f%&#$ his name is...).
Ele é Selecção Nacional de Rugby amadora no Mundial de Rugby profissional.
Ele é Campeonato Europeu de Resistência Equestre (agora a puxar a brasa à minha sardinha, hi hi) e a Arábia, os seus sheiks todos e os seus belíssimos doláres petrolíferos.
Ele é a Presidência Europeia e a treta do servilismo à Europa do costume.

E agora, ele é José "THE SPECIAL ONE" Mourinho e o adeus sentido ao Chelsea!

Digam lá, somos bons ou não somos, afinal de contas?

Haverá alguém que tenha a capacidade oportunista de se aproveitar deste momento mediático inédito de Portugal no Mundo e FAZER MAIS QUALQUER COISINHA para pôr esta economia a mexer????

Hello!!!!
Wake up!!!!
It's time!!!!

Se os outros o fazem, porque não fazê-lo também?

Só dá Portugal!!!

terça-feira, setembro 18, 2007

Eu, a Carrie?

Agora deu-me para isto...

Testes!!!

Até estou a achar-lhes 1 certa piada :-)))

sexta-feira, setembro 14, 2007

Introvertida ou Extrovertida? Nem uma coisa nem outra, afinal!

You Are An Intro-Extrovert!

Sometimes you're social - sometimes you're shy
You've got a bit of an Introvert / Extrovert split going on
You enjoy all sorts of situations. Parties, small groups, and alone time.
Too much of one, and you'll long for the other. You need variety!
Chances are, you've got both serious and fun friends - and they don't get along.

quinta-feira, setembro 13, 2007

Só tenho a dizer... AH AH AH AH AH AH AH AH AH AH AH AH AH AH AH AH AH AH AH AH AH AH AH AH AH AH AH AH AH AH AH AH... ai, já me dói a barriga :-)

Till there was you...

Get this widget Share Track details

E esta, sabes ao que me sabe?

A paixão...

A calor...

A amor...

A beijo...

Ao cheiro da tua pele...

Aos teus lábios...

À sensação de plenitude...

A êxtase...

A 2 em 1....

A ti... só a ti...

A 3 anos sem te ver, mesmo à minha frente...

A 2 anos a amar-te para lá de tudo e todos...

A 1 ano de silêncio doloroso...

A 1 pedido cumprido e respeitado... de todos os que te pedi e o único que eu não queria que cumprisses.

quarta-feira, setembro 12, 2007

Rise up!!!!

Rise up
don't falling down again...

Eu adoro house-music não posso negar, é verdade! Tudo o que seja um som "bonito" ao ouvido e ao movimento de um corpo dançante, é um delírio para mim.

E esta música, apesar de ter uma letra muito curta, tem algum significado (pelo menos para mim)...

Levanta-te
Não te deixes cair outra vez
Levanta-te
....
Eu tento voar, tão alto
direcção ao céu

O meu sonho é voar
por cima do arco-íris
tão alto


(tradução à chapada, mas é mais ou menos isto :-))

E eu queria voar, alto alto, como os meus sonhos de menina... voar, para a Medalha de Ouro Olímpica... voar sempre, montada no meu cavalo e ser uma vencedora, sempre...

Mas eu venço! Todos os dias :-)

Só não é nos meus sonhos de menina :-(((((

Get this widget Share Track details

domingo, setembro 09, 2007

McCann e o circo mediático


Desde há 4 meses que não se fala de outra coisa. Todos os dias os canais informativos abrem os seus serviços noticiosos com mais um passo da Familia McCann e a sua pseudo-dor causada pelo desaparecimento da filha.

Peço desculpa aos mais inocentes e crédulos mas não vos parece que isto já é demais? Sim, este circo mediático, estas dclarações à imprensa, estas idas ao Vaticano... não vos parece que eles estão a tentar desviar as atenções de sobre eles próprios?
Esta semana foram ambos formalmente acusados da morte da criança (aleluia...) e caiu o carmo e a trindade em Inglaterra. Olha que porra (sorry), não são eles que têm dezenas de crianças desaparecidas, cujos casos foram dados como perdidos? Quem são eles para virem questionar a nossa Polícia Judiciária, uma das melhores do Mundo (hã, do Mundo não é da Europa) e os métodos utilizados? O que é que a Scotland Yard, tão boa que ela é, fez de relevante para solucionar este caso? Até os cães que farejaram o"rasto de morte" na roupa da mãe McCann pertencem a uma organização privada!
Isto tudo já chateia! Hoje de manhã, a primeira coisa que vi quando liguei a TV foi a transmissão em directo da chegada deles a Inglaterra. Mas onde é que nós estamos? Quem são estes gajos para terem estas atenções todas? Com que direito têm eles mais atenção do que a mãe do Rui Pedro, do Rui Pereira, da Rita Slof Monteiro...
Já ninguém me convence de que eles sejam inocentes... mesmo que se prove que a criança está viva e que foi raptada, não estão isentos de culpas, ao terem deixado as crianças sozinhas.
Agora se a criança está mesmo morta, como acredito, e se se provar que foram eles que a mataram... meus amigos, o melhor castigo para tanta falta de vergonha, era deixá-los à mercê da população do Mundo que se sentisse ultrajada e enganada por estes seres.

sábado, setembro 08, 2007

PORTUGAL!!!!!

No rescaldo do empate com a Polónia (o Ricardo que vá virar frangos para o Intermarché... bolas!) e da vitória da França, por equipas, e do Princípe do Dubai, individual, no Campeonato Europeu de Resistência Equestre/Open de Portugal, que decorreu hoje em 160 km de lezíria ribatejana, e da desqualificação da portuguesa Ana Barradas, aspirante a lugar no pódio, porque o seu cavalo ultrapassou as 64 batidas cardíacas/minuto, pergunto: ONDE ESTÁ O ORGULHO EM SER PORTUGUÊS???

Porque tanto nos directos que a TVI foi fazendo ao longo do dia sobre o Campeonato Europeu e a transmissão da RTP do jogo Portugal-Polónia que, fora no momento de entoar o hino antes do jogo começar, que não oiço os portugueses a apoiarem as suas selecções (sim, porque a Selecção Portuguesa de Resistência Equestre também existe, a par de outras tantas desconhecidas e que muito mérito têm!).

Revolta-me este silêncio daqueles que se dizem Portugueses mas só o são para criticar! Quando é para apoiar, para incentivar os nossos desportistas a vencer, para assistir ao hastear da bandeira ao mais alto dos 3 mastros possíveis (ouro, prata e bronze), onde estão os Portugueses?? Sim, onde é que vocês estão???

O desporto é feito por todos! Pelos desportistas que competem (não interessa agora se ganham milhões ou cêntimos) e pelo público que os acompanha e que os deveriam incentivar! Não se esqueçam que eles representam uma nação e se a nação não faz força para que demonstrem de que raça somos feitos, sabem qual é a imagem que fica lá fora? Isso mesmo, somos tão fraquinhos...

Deixem-se de lamúrias!
Tenham orgulho no vosso país!
Tenham orgulho nos vossos desportistas, mesmo quando eles não ganham medalhas!
Porque para ganhar são precisos muitos 20ºs, 15ºs, 10ºs, 5ºs, 4ºs... Se não os incentivarem a fazerem melhor não se queixem! Os desportistas gostam de ver os seus esforços reconhecidos! Só assim têm mais vontade de fazer mais e melhor!!!

Será que só somos Portugueses quando ganhamos??? O resto da vida somos o quê? Invísiveis!!! Os coitadinhos abandonados e mal-tratados pela Europa, num pedacito de terra aqui à ponta da Península Ibérica... oh, meu Deus! Estávamos tão bem se fossemos espanhóis... malditos os que nos "roubaram" à Espanha em 1 de Dezembro de 1640...

Cambada de gente triste, é o que sois!

Bem, é melhor calar-me porque com a fúria que tenho em vez de escrever 1 post, escrevo 1 livro!


sábado, setembro 01, 2007

Significado dos nomes

Espreitei no blog da Dani e copiei-lhe a ideia (sorry amiga!) pois também adorei o que li sobre o meu nome nessa mesma barraquinha... infelizmente não memorizei nem me apeteceu dar €€ por um pedaço de papel feito em computador... (isto é mesmo à Kikas, lol!)

Então o meu nome (o que está no segredo dos deuses ;-)) diz assim:

Significa pura e revela uma pessoa rigorosa consigo mesma e com as outras. Tendência para ser moralista e dominadora, mas o seu pioneirismo e a sua criatividade compensam este autoritarismo e conferem-lhe condições de alcançar os seus ideais.

Pura - pura, pura... não tanto! Nem quero que me achem uma santa ;-)) Mas sou pura de sentimentos, pois odeio injustiças e falsidades.

Rigorosa - sim, muito! Infelizmente mais com os outros do que comigo própria (apesar de ás vezes me apetecer bater em mim própria por certas e determinadas atitudes e pensamentos:-))

Moralista - um bocadinho... assssssiiiiiimmmmmm :-) Gosto muito de manter a moral e os bons costumes. Comigo as tradições viverão eternamente!

Dominadora - pois claro! O que é meu, é meu e de mais ninguém! Não há cá partilhas! Lol

Criatividade e pioneirismo - nãããã... desculpem lá mas este deve ser do nome a seguir!

E pronto, este é o meu retrato!

Ah! Já agora não digam à Dani que eu copiei o post dela ;-))

Actualização do post anterior :-)

Falta acrescentar a isto tudo o mais importante!
Apesar de derivar do petróleo, o GPL é "limpo"! Ou seja, não emite CO2!
Não é mito, é a pura verdade! Por conseguinte, o intervalo entre revisões é maior do que para carros a gasolina ou diesel exactamente por não existirem detritos para limpar (nos filtros de ar, combustível e óleo) nem óleos queimados.
Daí o motor durar mais tempo, não tem tanta porcaria lá dentro ;-)
Ainda por cima para o ano, com a alteração do Imposto de Circulação Automóvel (chamado agora de Selo do Carro) vai passar a ser taxado sobre o nível de emissão de CO2! Por associação, os carros a GPL não deveriam pagar, já que não emitem CO2! Mas como o Estado não quer perder a fonte de rendimento (o nosso rico bolsinho), o GPL não se escapa a este imposto... a boa notícia é que será muito menos do que aquilo que pagamos actualmente :-)

E a culpa de o GPL ter tantos mitos associados é do próprio Estado, que não quer perder os rendimentos obtidos com o ISP (Imposto sobre Petrolíferos)... se todos andássemos a GPL, estão a imaginar o arrombo que os cofres do Estado sofreriam, tendo em conta que o GPL não ultrapassa os 0,60€/litro!
A mim já não me "roubam" mais, lol ;-))

Em muitos países europeus (França, Itália, Holanda e por aí fora) o parque autómovel ronda os 50% GPL, 50% outros combustíveis... como sempre, estamos na cauda da Europa... e é bem verdade :-(

sexta-feira, agosto 31, 2007

GPL - Um amigo a duplicar; não polui o ambiente e ajuda-me a poupar ;-)

Muito se fala do aquecimento global, de energias alternativas não poluentes, do preço dos combustíveis, do preço dos carros, enfim... fala-se muito e faz-se pouco. Á boa maneira tuga.

Desde há quase 20 anos (se não me falha a fonte de informação) que existe em Portugal uma alternativa a tudo isto. Chama-se GPL ou "Gás Petrolífero Liquefeito". Este combustível também é um derivado do petróleo, como o próprio "petrolífero" indica. No entanto, o processo de produção é diferente. Ou seja, não se produz, basicamente. Este gás é obtido aquando da refinação do petróleo em gasolina ou gasóleo e aproveita os "restos" dessa refinação, por assim dizer.

Como não sou expert na matéria, deixo-vos aqui uns sites para obterem mais informação:
http://www.empilhatecnica.pt/
http://www.anic-gpl.pt/

Aqui encontram bastante informação e esclarecimentos, para aqueles mais cépticos e adversos a novidades.

Só para vos dar 1 ideia da poupança que se obtém com o GPL, deixo-vos a minha experiência pessoal: adquiri há pouco tempo um Renault Clio 1.2 16 V já equipado com GPL. Só o kit e a instalação custaram ao anterior dono 1.500€. Tem garantia de 5 anos! Cada vez que vou atestá-lo pago.... 24€ (mais coisa menos coisa, depende a quanto está o litro). Cada depósito dá para 550 kms!!! É mais económico que um carro a gasóleo!

Em Portugal já se vendem veículos com o GPL de origem. Mas qualquer carro a gasolina pode ser adaptável a GPL. Os mitos de que rouba força ao carro e que não se podem estacionar em parques subterrâneos ou, até mesmo, que explodem são isso mesmo: MITOS!

Se comprar ou importar um veículo já adpatado a GPL, o Estado desconta 40% do IA! 40%!!!! Além de que, um veículo a GPL dura muitos e muitos anos! Mais do que um diesel! Pode dar-se as voltas que se quiser ao motor que ele fica na mesma! Aliás, revisões também são para esquecer! Mais depressa se mudam os pneus do gasto :-)))

Por isso meus amigos, reciclar, poupar energia e isso é muito bonito. Mas o mais bonito de tudo é reduzir as emissões de CO2 para a atmosfera! Como usando GPL como combustível semi-alternativo (pois, porque ele deriva do petróleo, ok, mas se começarmos já a apostar forte nisto, o petróleo dura muito mais tempo;-)))

terça-feira, agosto 28, 2007

Uns clicks ao acaso :-)

Domingo à tarde... o que fazer? O sol andava por aí mas o calor não abundava para 1 ida à praia :-( Até que... 1 sms? A Dani a propor uma sessão fotográfica em Paço d'Arcos? Boa, vamos lá então tirar o pó à câmara!



E este é o resultado (algumas são parecidas com as da Dani)!



Espero que gostem!
















domingo, agosto 26, 2007

Projectos de vida

Chegamos a uma altura nas nossas vidas em que começamos a projectar o que queremos ser, quem queremos ser (ou o que gostaríamos de ser!) e como lá chegar. Muitos ambicionam um emprego de destaque, uma boa casa e um bom carro na garagem, viagens à volta do Mundo e uma vida social minimamente interessante. E, ter filhos, claro!

Houve um gajo qualquer (desculpem a minha falta de cultura) que disse qualquer coisa do género como: "Um homem está completo quando planta uma árvore e tem um filho"... não é bem isto, mas é parecido :-)

Os meus projectos de vida foram mudando ao longo do tempo. Isto é, foram-se adaptando à realidade, ao que é possível atingir. Alguns deles eram bem grandes... eram sonhos! E os sonhos só se realizam quando estão ao nosso alcance. Ser Medalha de Ouro em Saltos de Obstáculos nos Jogos Olímpicos era um dos meus projectos de vida em adolescente, quando acreditamos que tudo está ao alcance da mão... que ingénua...

E conforme "crescemos", alteram-se os projectos de vida. Um deles já me matraqueia a cabeça há algum tempo e tenho fé que se realize. Infelizmente as leis em Portugal são uma porcaria no que toca a defender verdadeiramente os direitos de alguém.

E esta ideia surgiu-me quando visitei um lar de crianças em risco ou retiradas judicialmente aos pais. Pois é, eu gostava de adoptar uma criança!

Parece loucura, nos dias que correm, tomar uma atitude destas. Já é tão díficil criar os nossos, quanto mais os dos outros... Pois. Mas essas crianças não pediram para nascer e também não pediram para serem mal-tratadas ou abandonadas pelos pais.

Daí eu ser uma acérrima defensora do aborto.
Por muitas razões mas mais ainda por ter visto, e sentido, o que é um lar de crianças.

E acho que faz falta a muita gente passar por essa experiência... para que abram os olhos e tomem consciência dos seus actos!

sábado, julho 21, 2007

O que é a amizade?

Ultimamente tenho-me deparado com esta dúvida, não porque não acredite que ela exista e que não tenho amigos mas porque me tenho deparado com algumas situações menos agradáveis.
Aqui o digo, aqui o expresso, sem o menor peso de consciência. Há um ditado muito antigo que diz: "Quem não se sente não é filho de boa gente", portanto este post irá servir para acordar consciências adormecidas e louvar quem tem estado acordado neste mundo.
A amizade, para mim, é uma coisa muita vasta. Não se é meu amigo só por ser. Só por ir beber café, só por me mandar mails e sms com umas piadas giras ou só por sair comigo para a night.
É meu amigo (e para mim é este o meu conceito de amizade) quem fez realmente alguma coisa de positivo por mim (e vice-versa, como é mais do que óbvio) para além das saídas à noite, dos cafés e dos mails. É meu amigo quem me apoia, quem me ouve e quem me dá feedback positivo. É meu amigo aquele que não age por interesse. É meu amigo aquele que eu ajudo sem pedir em nada em troca, apenas o respeito que me é merecido, primeiro como amigo e depois como pessoa.
Mas parece-me que estou errada... ou pelo menos desenquadrada da realidade do nosso dia-a-dia repleto de interesses e oportunismos onde, para se chegar a algum lado, as pessoas enfiaram na cabeça que só o conseguem se utilizarem métodos mais animalescos do que os dos próprios bichos.
Agora digam-me, quem souber, o que é a AMIZADE...
Acredito que este post vai gerar alguma polémica mas foi com esse mesmo objectivo que o Blog da Kikas apareceu: para dizer o que me vai na alma!

sábado, junho 16, 2007

O meu diário

Hoje, entre o "yo soy española" e o "yo no sé nada desta mierda" (sorry...) parei um pouco para descansar o neurónio enquanto me entretia com outra coisa menos stressante.


Remexe aqui, arruma ali, deita fora isto, descobri... O Meu Diário!


Sim, o meu Diário... desde 1998!!! Brutal! Ou seja, desde que eu era uma pita fresquinha na fase mais crítica do ser humano que é a transição de criança para adulto, naquilo que se chama adolescência... enquanto finalista da Escola Agrícola e pretendente a um lugar na prestigiadíssima Academia Militar (e agora estou a frequentar o ISLA; é parecido... lol).


Todos nós (ok, ok, todas as miúdas) têm ou já tiveram um diário onde desabafavam aquilo que lhes povoa o pensamento e que, por vergonha ou medo de não serem compreendidas, despejavam nas páginas de um caderno, mais ou menos lindinho, fofinho e cheirosinho.


E todos nós (pronto, todas) tinhamos uma amiga imaginária. A minha chamava-se KATY (original...) e daí à minha alcunha na Escola de Hotelaria, foi um tiro... KIKAS. Isto é, ao fim e ao cabo, eu escrevia para mim mesma. Desabafava o que me enchia a alma em páginas dirigidas... a mim! Resultado: era tipo pescadinha-de-rabo-na-boca :-)


De todos os meus escritos, que ao longo dos anos foram perdendo a frequência (o último é de 7/08/2004!) há as memórias das minhas feiras, a cavalo, das corridas de toiros, da prof.ª de Português que me enchia a paciência com Camões e os Lusíadas, das noites animadas da Escola Agrícola a jogar sueca em vez de estudar Química... e dos namorados (ou pensava eu de que...) e dedicatórias ao Jaguar, o meu amigo relinchador de 4 patas que muitas feiras e passeios pelas praias de Alcochete fez comigo às cavalitas.


Há letras de músicas que me foram marcando ao longo do tempo e choro, risos, frustações e alegrias gravadas a esferográfica neste caderno que representa a história de uma parte da minha vida :-)


São as páginas da minha vida!

sexta-feira, junho 15, 2007

Outra vez não :-(


Sinto a cabeça vazia, a alma nua, o olhar perdido no vazio que me abraça a vida... perder outra vez alguém de quem se gosta, dói...

Estou farta desta dor.
Estou farta deste vazio.
Estou farta desta vida.

Quero a minha alma de volta... vestida de veludo e organza, de rosa e branco, de vermelho e amarelo. Suave, refinada, apaixonada, pura, caliente e louca!

Quero tanto... e tão pouco...

Uma única palavra, quatro letras apenas...

sexta-feira, maio 18, 2007

Desafio da Dani...

A Dani lançou-me 1 desafio que me faz lembrar 1 filme... "Pay & Forward", conhecem? Em que 1 professor de Estudos Sociais lança 1 desafio aos seus alunos de pensarem num projecto para melhorar o mundo?

Bem, este desafio não é 1 projecto de melhorar o mundo mas também pode ser 1 projecto de melhorar os laços de Amizade entre as pessoas e permitir que se expressem e se dêem a conhecer, umas às outras, ao resto do Mundo.... ;-)

Então aqui vai!

7 coisas que faço bem
montar a cavalo - be carefull with your minds please!
cozinhar
organizar coisas - sou muito arrumadinha e metódica
dançar
sonhar
rir
dar estalos sem mão - hummmmm

7 coisas que não faço ou não sei fazer
cuidar de mim - mas estou a tratar do assunto
dizer o quanto gosto das pessoas - estou a melhorar, estou a melhorar
observar
sorrir - têm-me faltado as oportunidades mas parece que está a mudar
hipocrisias - tal como a Dani, odeio a mentira, a falsidade e o cínismo
prejudicar alguém
fazer as baínhas das calças - MÃE!!!!

7 coisas que me atraem no sexo oposto
ser do sexo oposto - :-))))
presença
barba por fazer
uns bons abdominais
boca
olhos
rabinho... hummm, jeitoso! Ai, ai...

7 coisas que digo frequentemente
ai o caneco!
raios partam...
ok
a sério?
Ciao!
Boas... - seja bom dia, boa tarde ou boa noite!
Sim, sou! Desculpem, estou :-)

7 actores/actrizes que admiro
esqueçam, não tenho, desde que o filme seja bom... mas podem ser o Jude Law, o Jhonny Deep....

7 pessoas de quem gostaria de saber estas coisas
Só 7?

sábado, maio 12, 2007

Oración del Jinete

Apaixonada por cavalos como ninguém e estando a estudar espanhol na faculdade, nunca me lembrei de uma oração que uma cavaleira espanhola, a Caetana, me ensinou numa daquelas tardes de S. Martinho, na Golegã, entre 1 castanha e 3 copos de abafado :-)


Então é assim:


Señor Santiago, Patrón de la Caballería

intercede ante el Creador de hombres e bestias

para que nos guarde en la jornada.

Que la alegría del galope sea recibida con una sonrisa

en los prados de los cielos,

donde nos esperan los jinetes y los caballos del pasado.

Que me corresponda el Galardón de Campeón

si és de justicia.

Que al final de la cabalgada volvamos todos con honor.

Gracías a la naturaleza por darnos la comunión con la

maravillosa criatura que és el Caballo.


Era tão gira a cantarolar esta oração, cada vez que entrava em provas!

Tenho montes de saudades da Caetana e do "Tontanero", um dos cavalos dela...


Ai Golegã, Golegã...


terça-feira, abril 24, 2007

Sufoco...




Tenho presa na garganta a vontade de te falar, de te dar um carinho, de te abraçar... hoje vi o caminho que tens percorrido e senti em mim a tristeza de não puder estar a teu lado, pisando os mesmos espinhos que pisas.


Correu-me a lágrima e percebi o teu sorriso de há dias.


Correu-me a lágrima por não poder ajudar-te a transformar os espinhos em rosas.


Correu-me a lágrima por nem sequer poder escrever-te.


Corre-me a lágrima por nunca mais poder falar contigo.


Sufoca-me a ideia de não poder sentir a tua face na minha mão, não puder percorrer o teu peito com os meus dedos, sentir o teu cheiro na minha pele, ouvir o teu respirar doce e tranquilo quando dormias nos meus braços...


Tortura, tristeza e angústia de te ter tão perto.................. e tão longe...............................................................................

sexta-feira, abril 20, 2007

SMS pendente...

Desculpa tudo o que fiz. Hoje percebo quando dizias que eu fazia o contrário do que dizia. Desculpa-me por te acusar de tudo o que não consegui ser e fazer. Desculpa por não conseguir ser mais forte do que os meus sentimentos e por te ter amado quando não devia. Desculpa-me por amar-te tão sofregamente...



quarta-feira, abril 11, 2007

Lenda Hindu

"Uma antiga lenda hindu diz-nos que outrora, todos os homens eram deuses. Mas eles abusaram de tal forma da sua divindade que Brahma, o mestre dos deuses, decidiu tirar-lhes todos os poderes divinos e escondê-los num lugar onde fosse completamente impossível encontrá-los. O grande problema existiu em encontrar o lugar apropriado.
Os deuses menores foram convocados para uma reunião a fim de se resolver o problema. Eles propuseram o seguinte: Enterrar a divindade do homem na terra. Mas Brahma respondeu: "Não, não é o suficiente, porque o homem desenterrá-la-ia e encontrá-la-ia."
Então os deuses responderam: "Neste caso, metamos a divindade no mais profundo dos oceanos."
Mas Brahma respondeu de novo: "Não, mais cedo ou mais tarde, o homem exploraria a profundeza dos oceanos e certamente que um dia, a encontraria e a traria à superfície."
Então os deuses menores concluíram: "Nós não sabemos onde a vamos esconder porque não existe na terra nem no mar um lugar seguro que o homem jamais encontrasse."
Brahma disse: "Vejamos o que faremos à divindade do homem: vamos escondê-la no mais profundo dele próprio, é o único lugar onde ele nunca pensará procurar."

(Eric Butterworth, Discover the Power Within Yourself)

terça-feira, março 27, 2007

1º Semestre já está!

Aahhhh.......... um semestre já está! Venham os próximos! Até me safei bem nos exames (fora a "branca" a Gestão que me ia fazendo pôr em causa a minha capacidade para frequentar uma licenciatura) e a média não é má de todo: 13,4 valores!

Ora vejam:
- Contabilidade: 10 (depois de um exame oral de caca e de o prof me dizer que me quer cá ver em Setembro a melhorar a nota - só pode ser doido!)
- Economia: 15 (15???? Caraças, devia estar com uma granda moca! 15??? Nem a Inglês ou Espanhol que é mais o meu género!)
- Gestão Empresarial: 5 (......................... mas porque é que me deu aquela "branca"?? Não fosse isso e tinha tido uma nota igual à de Economia! Ah, já sei! Esqueci-me da marca da vodka do exame de Economia :-))
- Técnicas de Comunicação e Expressão: 15 (a disciplina é Português mesmo e só 15?.......... Amuei)
- Espanhol: 13 (Amuei também)
- Inglês: 14 (3º amuo...........)

Afinal a Kikas é uma miúda inteligente! E não anda aqui a gastar os poucos neurónios que lhe restaram da vida passada!

(Mas que era inteligente já eu tinha provado! Lembraste?)

Agora é a vez do 2º semestre... não está a ser fácil acompanhar as aulas, com estas mudanças no trabalho... mas o que vale são as minhas colegas, as minhas verdadeiras "galinhas" (as dos ovos de ouro, sabem?) que me têm facilitado a matéria toda!

Santas!

segunda-feira, março 19, 2007

Meaning lyrics...

Todos nós temos músicas com as quais nos identificamos. Ou porque nos representam ou porque gostavamos de ser como as letras cantam ou porque se adaptam a uma ou outra situação da nossa vida.
No meu caso, porque dizem coisas que eu não consigo dizer... e que, por isso, perdi o sono, o sorriso, a alegria... e alguns quilos. Coisas de que nem sequer sabia dar sinais para que os outros as entendessem... mas aqui ficam, para aqueles que souberam ler os sinais, mesmo que fracos.

Para ti, que sei que nunca vais ler este blog nem nunca mais me voltarás a procurar, este é o meu desabafo. Aquilo que tentei por tantas formas dizer-te e que, por não saber como dizê-las, engoli-as e silenciei-me tantas vezes... todas as discussões, todos os silêncios, todos os arranques de paixão...

Sempre que oiço estas músicas, é de ti que me lembro.
Desde o dia em que te pedi para me esqueceres, que eu própria não te consigo esquecer. Tudo me faz lembrar de ti...

Te Busque
Nelly Furtado (feat. Juanes)

I've been high I've been low
I've been fast I've been slow
I've had nowhere to go
Missed the bus missed the show
I've been down on my luck
I've felt like giving up
My life locked in a trunk
When it hurt way too much
I needed a reason to live
Some love inside me to give
I couldn't rest I had to keep on searching

Te busque de bajo de las piedras y no te-encontre
En la manana fria y en la noche te-busque
Hasta enloquecer
Pero tu llegaste a mi vida como una luz
Sanando las heridas de mi corazon
Haciendo me-sentir vivo otra vez

I've been too sad to speak and too tired to eat
Been too lonely to sing the devil cut off my wings
I've been hurt by my past but I feel the future
In my dreams and it lasts I wake up I'm not sure
I wanted to find the light something just didn't feel right
I needed an answer to end all my searching
I look in the mirror the picture's getting clearer
I wanna be myself but does the world really need her
I ache for this earth
I stopped going to church
See God in the trees makes me fall to my knees
My depression keeps building like a cup overfilling
My heart so rigid I keep it in the fridge
It hurts so bad that I can't dry my eyes
Cuz they keep on refillin' with the tears that I cry...

terça-feira, fevereiro 27, 2007

segunda-feira, fevereiro 26, 2007

Carnaval, ninguém leva a mal ;-)

E as primas aí vão curtir o Carnaval! Há que tempos que não me ria tanto! Claro que as minhas penas fizeram sucesso, apesar de serem mais famosas nos Carnavais do “Excepto” do que os cabeçudos de Torres Vedras J Mas o que interessa mesmo é o espírito, a folia e a descontracção! Ora topem só…
Pois é, as máscaras de Veneza fizeram sucesso! São espectaculares, não são? Pena é que fossem tão caras! Menos uns trocos e tinha trazido mais umas quantas!
Para o ano, e com mais uns trocos, vamos é para outros Carnavais… quem sabe, BRASIL!!!!

Activo = Capital Próprio + Passivo???

Ai, ai! Que grande baralhação que aqui vai! E a 85 vem de onde? Caneco, já não percebo nada disto… que horas são? Bolas, 2h da manhã??? Já??? Xi… estou feita! Amanhã começar a trabalhar às 8h e depois exame e depois começar a estudar Economia… ai, ai, Simon das Pains e Xalvador Cardoxo que me queimam o único neurónio sobrevivente! E a Lei dos Rendimentos Crescentes e Decrescentes e a Curva da Elasticidade… gaita para estes termos maravilha.

Quero dormir… só mais um bocadinho, mãe. Já me levanto! São só mais 5 minutos… 5 minut…………………………………………………

Lamento...

Lamento tudo…
Lamento o que fiz…
Lamento o que não fiz…
Lamento o que pensei fazer e não fiz…
Lamento o que fiz sem pensar fazer…
Lamento quem amei…
Lamento quem fiz sofrer…
Lamento quem magoei sem intenção…
Lamento quem acabei por perder…
Lamento o que sonhei…
Lamento o que me fez sonhar…
Lamento quem me iludiu…
Lamento quem me fez amar…
Lamento esta dor que me abafa…
Lamento este vazio que me enche…
Lamento este coração fraco e carente.
Lamento estas lágrimas que rolam,
Lamento esta lembrança recorrente,
Lamento este sentimento de perda
De quem não compreende.

Lamento tudo mas a quem eu tenho de pedir desculpas é a mim própria, não julguem que este é um pedido de desculpas a mais alguém. Porque não é ;-)

quarta-feira, janeiro 03, 2007

A Escolha

Um dia escolhi ser feliz.
Atirar para trás das costas os desgostos do passado.
Compreender que certos sonhos são impossíveis de realizar.
Não me preocupar com os “se” que o futuro nos reserva.
Viver a vida como se não houvesse amanhã.
Amar como se nunca tivesse sofrido.

Nesse dia esqueci-me que não se deve viver a vida de olhos fechados.

E entrei num mundo que agora se voltou contra mim.

No dia em que fiz a escolha de viver a vida intensamente e sem preocupações, esqueci-me que tudo o que fazemos agora, daqui a instantes será passado e que não tem volta. Esqueci-me que o passado influencia o futuro. Esqueci-me que poderia voltar a sofrer de novo. Esqueci-me de mim...

Agora encontro um beco escuro, onde a saída é voltar atrás e fazer tudo de novo. Só que desta vez não há o mesmo entusiasmo. É difícil recomeçar. E o caminho é tão escuro que tenho medo de vir a encontrar um buraco que me faça cair.

Quando escolhi amar novamente e intensamente, sofri.
Quando fechei os olhos aos “se” do futuro, esqueci-me que poderia prejudicar-me.
Quando esqueci os desgostos do passado para não sofrer no futuro, sofri na mesma.
Quando esqueci os meus sonhos, sofro porque me falta qualquer coisa.
Quando escolhi viver sem preocupações, elas caíram-me em cima da cabeça outra vez e a dobrar.

Agora, olhando para trás, pergunto-me: “De que serviu teres feito escolhas?”

Serviu para compreender que a vida só é e será cor-de-rosa para alguns. Os outros, os miseráveis que nasceram sem nada, com nada ficam mesmo que lutem que nem cães para emergirem do lodo em que nasceram. A sorte só pertence a alguns, aos que nasceram com o rabo voltado para a Lua. Eu nasci com o cú voltado para a Terra.

Mas o mais curioso é que a escolha mais importante da minha vida não foi tomada por mim. EU NÃO ESCOLHI NASCER! E mesmo no dia em que nasci, escolhi ficar lá dentro. Parecia que já adivinhava que ia ter uma vida de merda. Mas, mais uma vez, alguém escolheu por mim, pôs-me uns ferros na cabeça e puxou-me cá para fora. Bolas pá, se eu escolhi ficar lá dentro porque é que há sempre um filho da puta a trocar-me as voltas?
Esta vida é um labirinto. Por diferentes caminhos que tenhas para escolher, todos vão dar ao mesmo sítio. É como um círculo, não tem principio nem fim e lá andas tu, feita ursa, às voltas na jaula.

Devo ter sido muito má noutra encarnação. Ou então era judia! Como é possível que se possa sofrer o que se sofre nesta vida? Haverá outra explicação?

Bem sei que há pessoas a sofrer mais do que eu mas quero lá saber dos outros! É isso mesmo! Sou egoísta e depois? Alguém se preocupa com os meus problemas? Então porque é que tenho de me preocupar com os problemas dos outros? Os valores morais morreram há muito tempo, ao mesmo tempo que os heróis! Hoje em dia é uma selva. Salve-se quem puder! Quem não puder, azar, fosse esperto!

Isto é mesmo complicado. Além de não teres escolha ao nascer ainda tens de ser esperto para sobreviver! Grande lata a do gajo que inventou isto! Se o gajo tivesse estado quieto durante os 6 dias que diz que levou a fazer esta trampa, tinha feito melhor!

Ele é que escolheu por nós! Mas quem é que ele se julgou ao fazer as escolhas pelos mortais?

No fim de tanto pensar e tentar encontrar uma razão lógica para estes tropeços da vida, cheguei a uma conclusão:
Eu escolhi a Felicidade; a má-sorte escolheu-me a mim...